PICT0050
sebastiao-grosso-2
sebastiao-grosso-3
fotos 30 08 estorias 075
Sebastião

SEBASTIÃO GROSSO

O pai de Sebastião Grosso se chamava João Lopes da Silva. Mas seu apelido era João Grosso. Chamavam-no assim porque ele era baixinho e grosso. Muita gente pergunta se era porque ele era ignorante, mas não, ele era tranquilo. Daí o apelido Sebastião Grosso.

Se alguém chegar em Goiana e perguntar: onde mora o Sebastião Lopes da Silva, ninguém diz. Agora, se disser: aonde mora Sebastião Grosso? Todo mundo sabe. Ser chamado assim é um orgulho.Com onze anos Sebastião começou a trabalhar na feira, na barraca do pai.Nessa idade ele também começou a sair para brincar coco.

Quando o pai dele morreu, ele tinha quinze anos e começou a cuidar da banca sozinho. E foi muito bem. Nessa época ele começou a tocar coco. Passou um tempo solteiro, depois casou e construiu família. Trabalhou na feira até o banco acabar.


Profetizou que só morreria depois que lançasse seu primeiro disco e, coincidência ou não, apenas um dia depois do lançamento, ele faleceu. Sebastião pode ser considerado um grande exemplo de integridade. Como se estivesse esperando ser descoberto de forma a catapultar sua fama para além das barreiras de Goiana, para que pudesse descansar. Tanto que, seu documentário, “A Pisada é Essa”, ganhou prêmios importantes fora do país, como o "People ChoiceAwards", do Festival de Cinema CameraMundo, em Roterdã, na Holanda.

CATEGORIA  :  Personalidades,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.